A Primeiraça!

Ouça Ao Vivo

×

   

Top 10


 

Maiara e Maraisa

Tudo por nada


Se eu soubesse que ia ser assim
Tudo por nada
Confesso que eu acreditei
Em meias-verdades
Você nunca me disse: te amo
Mas também não disse que não
Enquanto eu fazia tantos planos
Que você nunca vai saber, nunca vai saber
Quando você ama alguém que não te quer
Quando há um outro homem, outra mulher
Mesmo assim, ainda te amo
Mesmo sabendo que eu
Posso de repente ser o outro
Não posso te esquecer
Se eu soubesse que ia ser assim
Desde o começo
Não teria te ligado, não
Mas bem que eu mereço
Alguém tão diferente brilhava
E parecia querer
Aquilo que eu sempre sonhava
E que você não soube ser, você não pôde ser
Quando você ama alguém que não te quer
Quando há um outro homem, outra mulher
Mesmo assim, ainda te amo
Mesmo sabendo que eu
Posso de repente ser o outro
Eu não consigo te esquecer, não posso te esquecer
Se eu soubesse que ia ser assim
Tudo por nada
E confesso que eu acreditei
Em meias-verdades
Você nunca me disse: te amo
Mas também não disse que não
Enquanto eu fazia tantos planos
Que você nunca vai saber, nunca vai saber
Quando você ama alguém que não te quer
Quando há um outro homem, outra mulher
Quando você ama alguém que não te quer
Quando há um outro homem, outra mulher...

Canal de Prêmios


O maior canal de prêmios do Sul do Estado, ligue e participe.
  28 3542-1017

 

Redes Sociais


   

 

© Rádio Cultura de Castelo FM. Todos direitos reservados.

Produção / Cadetudo Soluções Web